Ibiúna segue conquistando pontos no Programa Município Verde Azul para obter o certificado principal

Em 2007, a Secretaria de Estado do Meio Ambiente de São Paulo lançou o Programa Município Verde Azul (PMVA) com o intuito de medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental nos municípios do estado. Para tal, a PMVA auxilia as prefeituras paulistas no desenvolvimento de práticas sustentáveis que são avaliadas através de um sistema de pontuação. Como contrapartida àqueles que atingem determinadas pontuações, a PMVA concede preferência na liberação de recursos oriundos do Fundo Estadual de Prevenção e Controle da Poluição – FECOP.

O município de Ibiúna tem um grande potencial agroambiental, esse potencial, entretanto, foi pouco aproveitado durante os anos. Sua pior colocação no ranking foi no ano de 2015, quando ocupou o 556° lugar no estado, registrando apenas 6,42 pontos. O cenário da gestão ambiental no município começou a mudar em 2017, quando a sustentabilidade foi adotada como diretriz para um plano de desenvolvimento municipal. Com essa mudança na percepção ambiental, Ibiúna começou a crescer consideravelmente em diversas questões ambientais, iniciando um plano de ações para atender as diretivas contidas no PMVA, pontuando e subindo de maneira importante no ranking do programa. No ano de 2017, atingiu uma pontuação de 59,33, apresentando uma evolução de 1468,56% em relação a sua nota de 2016, que foi de 4,04.

Ao longo dos meses de 2018, a gestão do prefeito João Mello, vem trabalhando de maneira sólida, tendo como uma de suas principais diretrizes o desenvolvimento sustentável e a melhoria nas condições ambientais. Durante a prévia para a certificação deste ano, divulgada no final de junho pela Secretaria de Meio Ambiente do Estado, Ibiúna já alcançou uma nota superior àquela atingida no ano de 2017, garantindo assim um total de 60,32 pontos até o momento. Sendo assim, o município segue com a missão de obter o certificado do principal programa relacionado ao Meio Ambiente do Estado, pela primeira vez em sua história.

registrado em: ,
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.