Processo de escolha definirá novos membros do Conselho Tutelar em Ibiúna

Processo de escolha acontece no dia 6 de outubro e terá 25 candidatos concorrentes ao cargo

A população de Ibiúna escolherá no dia 6 de outubro os novos conselheiros tutelares do município. Serão 25 candidatos concorrentes ao cargo, sendo escolhidos cinco titulares e cinco suplentes. Os representantes escolhidos cumprirão mandatos de 2020 a 2023.

Para tratar de assuntos ligados a atuação dos conselheiros, foi realizada no dia (16) uma reunião com os candidatos concorrentes, presidida pelo Promotor de Justiça da Vara da Infância e Adolescente de Ibiúna, Dr. Thiago Henriques Bernoni Ramos, membros do CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente), a Comissão do Processo Eleitoral e a secretária de Assistência Social, Maria Angélica Gomes Balanco.

A pauta do encontro abordou a Resolução nº 170 do CONANDA (Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente) que trata da relação sobre condutas ilícitas e vedadas aos candidatos, também a Resolução CMDCA nº 03/19 de 09 de maio de 2019.

O Conselho Municipal da Criança e do Adolescente é responsável por conduzir todo o Processo Eleitoral e fiscalizar a atuação dos Conselheiros Tutelares. Eles têm o papel de proteger crianças e adolescentes ameaçados ou que tiveram seus direitos violados e aplicar medidas de proteção. São encarregados também de garantir os direitos da criança e adolescente na família e na sociedade contra o trabalho infantil, exploração e abuso sexual, violência doméstica, garantia vagas em escolas entre outros.

O Processo de Escolha Unificado dos Conselheiros Tutelares acontece no dia 6 de outubro, das 9h às 17h, na Escola Municipal Alexandre Vannucchi Leme.

registrado em: ,